29 de maio: Dia do Peacekeeper da ONU

Fonte: FAB//

Pacificar regiões em situação de risco é o compromisso dos Peacekeepers, militares designados pela Organização das Nações Unidas (ONU) para cumprirem missões de paz. Atualmente, a Força Aérea Brasileira (FAB) mantém cerca de 40 militares em missões nos seguintes países: Haiti, Costa do Marfim, Saara Ocidental, Sudão e Sudão do Sul.

.: Leia também: HAITI: Últimas tropas chegam até 1° de junho

A primeira participação da ONU em missões de paz foi em 29 de maio de 1948, na guerra árabe-israelense. O foco da missão era monitorar o cessar-fogo, prevenir novos conflitos e supervisionar os acordos de paz. A data representou um marco na história e, desde então, é celebrada como o Dia Internacional dos Peacekeepers.

A ONU já promoveu mais de 70 missões de paz, das quais a FAB  participou com cerca de 180 militares em missões individuais, e mais de 340 em missões de tropa. Atualmente, o Brasil mantém tropas no Haiti e no Líbano e participa, com missões individuais, das operações no Saara Ocidental, Libéria, República Centro-Africana, Sudão, Sudão do Sul, Guiné-Bissau, Costa do Marfim e Chipre.

O Soldado Jésus Marçal dos Santos é um dos Peacekeepers da Força Aérea Brasileira (FAB). Ele integrou o 16º contingente brasileiro no Haiti e atuou na manutenção da segurança do país por oito meses em 2012. O militar estava presente na patrulha que, durante a madrugada, socorreu uma mulher haitiana em trabalho de parto na rua e ajudou-a a dar à luz ao pequeno Junas. “Apesar da saudade da família, que só vi pela internet durante todo o período, eu ainda espero ter a oportunidade de participar de uma nova missão de paz”, afirma Marçal. 

34356248840_4d7eaa043c_k

VEJA TAMBÉM EM

53245_6

Leave A Reply