AEROESPACIAL> Centro de lançamento de Alcântara sedia Operação Rio Verde

Fonte: FAB//

O Departamento de Ciência e Tecnologia Aeroespacial (DCTA) realiza, até meados de dezembro, no Centro de Lançamento de Alcântara (CLA), a Operação Rio Verde. Os objetivos são lançar e rastrear um foguete de treinamento e um foguete suborbital (VSB-30 V11), assim como resgatar uma carga útil MICROG2 no mar. Durante a Rio Verde, coordenada por meio do Instituto de Aeronáutica e Espaço (IAE), o lançamento do foguete de treinamento visará verificar todos os meios relacionados à operação de lançamento, bem como testar procedimentos e treinar todas as equipes envolvidas na campanha.

.: Leia também: SETOR ESPACIAL> Restrições em Alcântara geram perda anual de cerca de US$ 2 bi ao Brasil, revela MD

Em seguida, deverá ser lançado o foguete nacional VSB-30 V11, desenvolvido pelo IAE, em parceria com o Centro Aeroespacial Alemão (DLR). O veículo levará a bordo oito experimentos científicos e tecnológicos selecionados pelo Programa Microgravidade da Agência Espacial Brasileira (AEB), que possibilitarão aos cientistas e pesquisadores brasileiros realizarem estudos e pesquisas em ambiente de microgravidade, acima de 100 quilômetros, por até seis minutos, em condições bem específicas.

“O lançamento do VSB-30 V11 com os experimentos embarcados na carga-útil MICROG-2 constitui uma excelente oportunidade das instituições de ensino e pesquisa nacionais obterem acesso facilitado ao espaço, que apresenta um baixo custo se comparado, por exemplo, a estudos sob essas mesmas condições realizados na International Space Station (ISS). Nessa região, conhecida como Low Earth Orbit (LEO), ocorrem fenômenos que são de difícil reprodução no nosso meio, o que ressalta a importância desse tipo de atividade para desenvolvimento científico e tecnológico do país”, explica o Coordenador-Geral da Operação Rio Verde, Coronel Avandelino Santana Junior.

.: Leia também: AEROESPACIAL> Brasil e Itália discutem oportunidades de negócios no setor espacial

i161122132648149621Também são objetivos importantes da Operação Rio Verde dar prosseguimento ao Programa Nacional de Atividades Espacial (PNAE), em coordenação com AEB; apoiar o Programa Microgravidade da AEB, permitindo que organizações de ensino, pesquisa e desenvolvimento realizem experimentos científicos e tecnológicos através de voos suborbitais; manter a operacionalidade do CLA, proporcionando treinamento às diversas equipes envolvidas; testar novos sistemas do CLA para inclusão operacional em lançamentos futuros; manter a operacionalidade do Centro de Lançamento da Barreira do Inferno (CLBI) como estação remota de rastreio; e incrementar a parceria com o Centro Espacial Alemão (DLR) relacionada ao lançamento de veículos suborbirtais e de realização de experimentos em ambiente de microgravidade.

EXPERIÊNCIA

Esta é a 23ª operação de lançamento do VSB-30, primeiro foguete nacional certificado para lançamentos no exterior e já lançado da Suécia, Noruega e Austrália, em parceria com a Agência Espacial Alemã. No Brasil, será o quarto lançamento do VSB-30, todos realizados em Alcântara. O último lançamento com o veículo no país ocorreu em 2010, durante a Operação Maracati II.

i161122132648111706“A expectativa é muito grande para a realização da Operação Rio Verde no CLA com sucesso. Além disso, pela primeira vez sendo utilizado em operações de veículos de médio porte, testaremos novos procedimentos a partir do novo Prédio de Segurança do Setor de Preparação e Lançamento (SPL), inaugurado no início deste ano e que nos possibilita intensificar a segurança das atividades na área operacional, o controle de acesso, bem como oferecer melhor conforto e infraestrutura às equipes que atuam na campanha. Ainda, estamos testando novos Sistemas Operacionais do Centro”, ressalta o Diretor do CLA, Coronel Aviador Cláudio Olany Alencar de Oliveira.

Após o lançamento e o voo em ambiente de microgravidade, tais experimentos devem ser recuperados em alto mar, por helicópteros da Força Aérea Brasileira (FAB) com apoio de embarcações da Marinha do Brasil.

 

VEJA TAMBÉM EM

53245_6

Leave A Reply