AVIAÇÃO DE CAÇA é tema de livro de ficção

Fonte: FAB//

A saga de um piloto de caça em plena Segunda Guerra Mundial é o tema do livro de ficção “O Céu da Itália”, do Coronel da reserva da Força Aérea Brasileira (FAB), Flavio Kauffmann. Esse é o romance de estreia de Kauffmann, que foi piloto de caça durante 12 anos, além de comandante do Esquadrão Jambock (1º GAVCA), o mesmo que atuou durante a guerra nos anos 40. “Os pilotos de caça são heróis do cotidiano, que arriscam suas vidas quase todos os dias para garantir nossa liberdade”, enfatiza o coronel.

.: Leia também:  Conheça as etapas de formação de um piloto de caça da FAB

Com base em fatos históricos e em sua própria experiência, o autor narra uma ficção apoiada em acontecimentos da época e compromissada com a realidade do período da Segunda Guerra. A maior parte da ação se passa aos pés dos Alpes Lombardos, na área do Lago de Garda, ao norte da Itália. O sonho do Tenente Thomas Winthrop Jr. de lutar na Segunda Guerra Mundial como um Jambock se transforma em pesadelo, quando a aeronave Thunderbolt P-47 é abatida no céu daquele país. Lutando para sobreviver em meio a uma região de conflito entre guerrilheiros e nazistas, o aviador se apaixona por uma mulher e continua seu combate junto ao grupo de rebeldes locais.

Os seis anos de pesquisa do coronel Kauffmann resultaram em uma obra de aventura que, com doses de amor, coragem e risco, faz referências às estratégias usadas durante as batalhas. Episódios semelhantes, inclusive, foram vividos por alguns pilotos do Esquadrão Jambock. “Das páginas do livro brotam certamente o heroísmo e a coragem dos homens e mulheres da Força Aérea Brasileira, contados de modo romanceado, por meio da história de amor entre uma jovem italiana e um piloto de caça brasileiro. A obra mistura ciência com gastronomia, vinhos e óperas, sempre de modo elegante”, conta. 

 

VEJA TAMBÉM EM

53245_6

 

Leave A Reply