CAÇAS da FAB vão combater ‘voos do narcotráfico’ em MS nos próximos 9 meses

Fonte: Dourados News//

Dois meses após o pedido da presença das Forças Armadas na linha de fronteira de Mato Grosso do Sul, a Força Aérea Brasileira (FAB) vai deflagrar a Operação Ostium, para coibir voos clandestinos que possam estar ligados ao narcotráfico na fronteira do Brasil com o Paraguai e com a Bolívia. A operação será nas cidades de Dourados e Corumbá (a 233 km e 419 km de Campo Grande, respectivamente). O estado é considerado uma das principais rota do tráfico, com registro de metade das apreensões de droga do País.

.: Leia também: FRONTEIRAS> Jungmann anuncia mudanças na Operação Ágata

A megaoperação, que segundo o Ministério da Defesa deve durar até o final do ano, usará helicópteros de combate AH-2 Sabre e H-60 Black Hawk, caças A-29 Super Tucano e Aeronaves Remotamente Pilotadas RQ-450. De acordo com o Ministério da Justiça, a Operação Ostium faz parte do Programa de Proteção Integrada de Fronteiras (PPIF), que promove atuação integrada e coordenada de órgãos de segurança pública, inteligência, Receita Federal, Fazenda e Forças Armadas nas regiões de fronteira, envolvendo também autoridades de municípios fronteiriços e de países vizinhos.

As ações serão coordenadas a partir do Comando de Operações Aeroespaciais (COMAE), em Brasília (DF). No dia 18 de janeiro, em reunião da governadora em exercício, à época, Rose Modesto e mais sete governadores do Brasil com o presidente Michel Temer, foi solicitado reforço na região fronteiriça.

VEJA TAMBÉM EM

53245_6

Leave A Reply