BID: Contrários à venda da Embraer, sindicatos realizam campanha

embraer-boeing

Os sindicatos dos metalúrgicos de São José dos Campos (CSP-Conlutas), Botucatu (Força Sindical) e Araraquara (CUT) se reúnem, nesta terça-feira (16), às 11h, em São José dos Campos (SP), para lançar a campanha unificada contra a venda (total ou parcial) da Embraer para a Boeing. De acordo com os sindicatos, embora pertençam a centrais diferentes, as três entidades decidiram lutar juntas em defesa do emprego e pela reestatização da Embraer. As plantas somam cerca de 16 mil trabalhadores.

.: Leia também: CUT-SP teme que acordo com Boeing leve ao fim da Embraer

POSIÇÃO DA EMBRAER
A Embraer, por sua vez, nega que vá vender a empresa para a Boeing. Em mensagem aos funcionários no final de dezembro, o presidente e CEO da Embraer, Paulo Cesar Silva, defendeu a parceria com a Boeing e diz que união será “muito boa para todos”. No texto, ele procura tranquilizar os funcionários quanto ao futuro da Embraer, dando a entender que a empresa não será vendida e não perderá sua autonomia.

“Por isso, fiquem tranquilos com relação ao futuro da Embraer. Qualquer que seja o formato, combinação ou parceria, o objetivo será o sucesso e o crescimento da companhia e a preservação de empregos”, diz. O ministro-chefe do gabinete de Segurança Institucional da Presidência da República, Sergio Etchegoyen, também disse na sexta-feira (12) que o governo não cederá o controle acionário da Embraer.

Fonte: Gazeta de Taubaté

NOTÍCIAS RELACIONADAS:

VEJA TAMBÉM EM

53245_6

 

Leave A Reply