DSM registra crescimento na América Latina

A DSM, empresa global baseada na ciência, com atividades nas áreas de nutrição, saúde e materiais e forte atuação na América Latina, anuncia os resultados globais do terceiro trimestre do ano, que contribuíram para o desempenho positivo da companhia nos nove meses. De janeiro a setembro, a empresa registrou vendas globais de € 6,45 bilhões, o que representa uma alta de 9% das vendas e crescimento orgânico de 8% sobre igual período do ano passado. A área de Nutrição (nutrição e saúde humana, nutrição animal, especialidades alimentícias) registrou vendas de € 4,15 bilhões (8% a mais que o igual período de 2016) e a de materiais teve vendas de € 2,13 bilhões (14% a mais que igual período de 2016); também contribuíram para este desempenho as vendas de € 126 milhões do Innovation Center e de € 47 milhões das Atividades Corporativas.

.: Leia também: DSM abre oportunidades para trainees no Brasil e México

Outros indicadores confirmam os resultados positivos da DSM no acumulado dos três trimestres deste ano. Entre eles, o lucro operacional (EBITDA ajustado) cresceu 15%, alcançando € 1,08 bilhão; o Retorno Sobre o Capital Empregado (Return on Capital Employed, ROCE) teve alta de 12,3%; o lucro líquido ajustado cresceu 29%, chegando a € 504 milhões, sendo que o lucro líquido total foi de € 1,6 bilhão (incluindo o ganho de € 1,25 bilhão referente à conclusão da aquisição da Patheon N.V., empesa da qual a DSM detinha participação acionária).

No terceiro trimestre deste ano, especificamente, as vendas globais da DSM foram de € 2,13 bilhões, 7% a mais que a de igual período do ano passado. A área de Nutrição registrou vendas de € 1,37 bilhão (5% a mais que no mesmo período do ano passado) e a de Materiais alcançou € 706 milhões (11% a mais que no terceiro trimestre de 2016); as vendas do Innovation Center no período foram de € 42 milhões e a das Atividades Corporativas de € 15 milhões. O EBITDA ajustado do trimestre foi de € 365 milhões e o ROCE foi de 12,3%, em linha com o índice registrado ao longo deste ano, de janeiro a setembro.

“Registramos outro trimestre forte, resultando em um ótimo desempenho nos primeiros nove meses e as áreas de Nutrição e Materiais, mais uma vez, apresentaram taxas de crescimento acima dos seus mercados. Os resultados, assim, demonstram um melhor desempenho operacional e financeiro, e antes do planejado, em um cenário em que todas as nossas empresas têm atuado em ambiciosas iniciativas de crescimento e em que seguimos firmes no controle dos nossos programas de redução de custos e eficiência”, comenta Feike Sijbesma, CEO e presidente do Conselho de Administração da DSM, que completa: “A DSM confirma a perspectiva de todo o ano de 2017, apesar de desenvolvimentos monetários ligeiramente menos favoráveis”.

CRESCIMENTO NA AMÉRICA LATINA
Ao longo deste ano, a DSM registrou um excelente desempenho na América Latina nos primeiros nove meses, com crescimento de 26,5% nas vendas, que atingiram € 501 milhões. Na região, em que a DSM está presente com plantas em 13 países, a companhia conta com uma equipe de 2.076 colaboradores (em âmbito global, a DSM conta com 21.013 colaboradores).

Fonte: DSM

VEJA TAMBÉM EM

53245_6

 

Leave A Reply