EXÉRCITO deve receber 80 unidades do Guarani neste ano

Fonte: Indústria de Defesa & Segurança//

Apesar do contingenciamento do Ministério da Defesa (MD), o Exército Brasileiro deverá receber 80 blindados Guarani neste ano. No final do ano passado, a Força Terrestre contratou 1.580 viaturas da Iveco, que deverão ser entregues até 2035. De acordo com o diretor de negócios da Iveco Humberto Spinetti, as entregas deverão ser feitas trimestralmente e dependerão do orçamento repassado ao programa do EB. “A gente espera chegar ao final do ano cumprindo o volume contratado com o Exército, apesar das restrições do orçamento que vão surgindo no meio do caminho”, disse.

.: Leia também: Exército compra 215 torres REMAX para equipar Guarani

As primeiras dez viaturas já foram entregues em março. “A gente tem bastante confiança. É um projeto estratégico do Exército. Isso não é uma venda, é um programa desenvolvido pelo Exército Brasileiro e pelo Ministério da Defesa e nós temos bastante confiança”, disse. Segundo o executivo, o blindado Guarani tem despertado interesse de outros países da América do Sul e a expectativa é que as primeiras entregas internacionais da viatura sejam feitas até 2018. “Na América Latina, temos desenvolvido negócios com alguns países. Há muito interesse de países vizinhos no Guarani e também no LMV. Essas negociações tomam o seu tempo, estão evoluindo. E é sempre importante contar com o suporte financeiro que nós temos disponíveis no Brasil caso seja necessário financiamento para estes produtos de defesa”.

.: Leia também: Exército encomenda 1.580 tanques Guarani até 2035

VIATURA GUARANI
remax-01O Projeto Família de Blindados Guarani faz parte do portfólio de Projetos Estratégicos do Exército Brasileiro. Ele consiste no desenvolvimento de veículos de combate nas plataformas 4×4, 6×6 e 8×8, que não só serão poderosos para operações militares de ataque, mas também representarão um salto qualitativo em missões de defesa, patrulhamento e paz. Planejado para suportar diferentes climas e terrenos, os blindados da Família Guarani realizarão  deslocamentos rápidos não só em regiões de floresta, mas também na travessia de rios e córregos. Com capacidade para 11 homens, os blindados contam com uma série de inovações tecnológicas, como baixa assinatura térmica e de radar, o que dificulta sua localização pelos inimigos. Visando uma maior segurança para seus integrantes, a Família Guarani possui ainda proteção blindada para munição perfurante incendiária, conta com navegação por GPS e visão noturna.

Com toda sua tecnologia desenvolvida pelo Centro Tecnológico do Exército, o chamado Blindado Guarani, categoria 6×6, terá mais de dez tipos de versões, como morteiro (para ser usado pelas armas de Infantaria e Cavalaria), comunicações, oficina, ambulância, engenharia e defesa química e nuclear, entre outras. A categoria mais pesada da família de blindados, a 8×8, está em fase de desenvolvimento pelos engenheiros do Centro Tecnológico do Exército, e seu mock-up (maquete em tamanho real) será apresentado ainda em 2015. A viatura leve multitarefa, 4×4, se encontra em fase final de avaliação para aquisição, em 2015, pelo Exército Brasileiro. Até o final do projeto o Exército passará a contar com quase três mil viaturas divididas entre as três categorias.

VEJA TAMBÉM EM

53245_6

Leave A Reply