INTERNACIONAL> China diz que vai devolver drone americano, mas Trump diz ‘fiquem com ele’

Fonte: Navy Times//

A China reconheceu que suas Forças Armadas apreenderam um drone da Marinha dos Estados Unidos, mas disse que devolverá o equipamento. No entanto, o presidente eleito Donald Trump afirmou, em seu melhor estilo, que “nós (governo americano) não queremos o drone que eles roubaram de volta” e “deixa que eles fiquem com ele”.

.: Leia também: INTERNACIONAL> Conheça a equipe de Defesa e Segurança de Trump

A declaração aconteceu depois que autoridades dos EUA confirmaram que “conseguiram um entendimento” para o retorno do dispositivo. O tweet de Trump na noite de sábado pode estender um dos incidentes mais graves entre os militares americanos e chineses em anos, estima especialistas do setor.twitter

A Marinha chinesa apreendeu na quinta-feira, 15, o drone, que o Pentágono disse ser operado por empreiteiros civis para realizar pesquisas oceânicas. Os EUA apresentaram uma queixa diplomática formal e exigiram o retorno do equipamento. O porta-voz do Ministério da Defesa chinês, Yang Yujun, emitiu uma declaração no final do sábado, 17, dizendo que um barco salva-vidas da Marinha chinesa descobriu um dispositivo desconhecido no Mar do Sul da China na quinta-feira.

drone_subaquatico_0“Para evitar que este dispositivo represente um perigo para a segurança da navegação dos navios e do pessoal que passa, o barco de salvamento chinês adotou uma atitude profissional e responsável ao investigar e verificar o dispositivo”, disse Yang. Na declaração, Yung disse que depois de confirmar que o dispositivo era um dispositivo americano submerso não tripulado, “a China decidiu transferi-lo para os EUA por meios apropriados”.

Os EUA disseram que “através do engajamento direto com as autoridades chinesas, conseguimos um entendimento de que os chineses vão retornar” o veículo subaquático não tripulado, de acordo com uma declaração de Peter Cook, porta-voz da secretária de Defesa dos Estados Unidos, Ash Carter.

Mas Trump, depois de realizar uma manifestação para agradecer aos apoiantes por sua eleição, foi ao Twitter para criticar o acordo. “Devemos dizer à China que não queremos o drone que eles roubaram de volta. Deixe-os mantê-lo!” O presidente eleito twittou sábado à noite. Os EUA disseram que a “apreensão ilegal” da China ocorreu em águas internacionais. No entanto, a China acusou os Estados Unidos de enviarem longos navios “à China” para realizar “levantamentos militares”.

 

VEJA TAMBÉM EM

53245_6

Leave A Reply