NEGÓCIOS> Marinha estuda comprar versão naval do Gripen

Fonte: Indústria de Defesa & Segurança//

A Marinha brasileira também está de olho no Gripen da Saab. O Sea Gripen, como é chamado a versão adaptada às necessidades da Força Naval, é ainda um projeto e, segundo a empresa sueca, só está esperando uma decisão política do Brasil ou de outro país para começar a ser fabricado. Representantes da força naval brasileira visitaram a fábrica da Saab em maio para avançar nas negociações do Sea Gripen. Além do Brasil, a Saab também negocia o caça com Índia e Tailândia.

.: Leia também: FORÇA AÉREA > Gripen E é apresentado na Suécia

Assim como o Gripen NG da FAB, o Sea Gripen prevê transferência de tecnologia. A versão naval da aeronave será desenvolvida para decolar a partir de navios porta aviões. De acordo com a Saab, os estudos do projeto já foram concluídos.

GRIPEN NG

A Força Aérea Brasileira vai adquirir 36 Gripen NG com transferência de tecnologia. Entre as novidades apresentadas pelo caça, estão o aumento da potência do motor e da capacidade de transportar armamentos. O Gripen NG será equipado com um conjunto de sensores altamente integrado e sofisticado, incluindo um radar ativo de varredura eletrônica (AESA, do inglêsActive Electronically Scanned Array), sistema de detecção e rastreamento de alvos por infravermelho (IRST, Infra Red Search and Track), e tecnologia datalink que, quando combinado, dá ao piloto exatamente a informação necessária em todos os momentos.

A primeira aeronave tem previsão de entrega em 2019 e a última em 2024, sendo que as últimas 15 aeronaves serão fabricadas no Brasil.

 

VEJA TAMBÉM EM

53245_6

 

 

 

 

Leave A Reply