RÚSSIA quer desenvolver novo cargueiro, similar ao KC-390

A Rússia resgatou um antigo projeto de desenvolvimento de um cargueiro similar ao brasileiro KC-390, desenvolvido pela Embraer. O IL-276 é um cargueiro de asa alta e dois motores capaz de transportar cerca de 20 toneladas de carga útil e com autonomia de voo de cerca de seis mil quilômetros. A notícia chega no momento que a Embraer trabalha para finalizar a certificação do maior avião já produzido no Brasil. O KC-390 tem capacidade de transportar até 23 toneladas, atinge a velocidade máxima de 870 km/h e, como o futuro concorrente, tem autonomia de cerca de seis mil quilômetro.

.: Leia também: FAB quer mais R$ 600 milhões no Orçamento para compra de KC-390 em 2018

As Forças Armadas russas não possuem atualmente cargueiro de médio porte. O IL-276 será desenvolvido com capacidade de operar em pistas semipreparadas. O projeto da década passada foi resgatado pela Ilyushin e é negociado com o Ministério da Defesa russo. A expectativa da empresa é garantir a venda de pelo menos 55 aeronaves para as Forças Armadas da Rússia. A aeronave militar terá motores atualizados, aerodinâmica refinada e melhorias nos materiais empregados. De acordo com a empresa, o IL-276 terá foco na alta velocidade de cruzeiro (800km/h) e na economia de combustível, em comparação com as aeronaves do País.

O especialista militar independente, Anton Lavrov, acredita que a IL-276 será muito procurado pelos militares russos: “No futuro, irá substituir todos os aviões de transporte fabricados nos tempos da URSS — An-12, An-72, An-32”, explicou o especialista. “O IL-276 terá consumo de combustível muito menor”, disse o especialista. “Será útil para o transporte de carga e pessoas. O transporte de suprimentos para guarnições remotas é muito procurado, especialmente no Ártico. Também em sua base provavelmente será criada uma aeronave de EW e de inteligência de rádio”.

Andrei Frolov, editor-chefe da revista Export of Arms, observou em sua conversa com a revista russa Izvestia que há uma demanda por aviões de transporte militar de médio porte no mercado mundial. “O desenvolvimento russo pode interessar compradores tradicionais de nossos produtos militares. Mas muito dependerá do tempo”, disse o especialista. “O IL-276 terá fortes concorrentes. Os aviões de transporte médio com motores turbojet já são oferecidos para exportação por fabricantes brasileiros e chineses”.

Com inf. de Izvestia

VEJA TAMBÉM EM

53245_6

Leave A Reply