Unidade da fábrica de munições Ruag em Pernambuco marca abertura do mercado brasileiro

A fábrica de munições suíça Ruag prepara a instalação de uma unidade no estado de Pernambuco. Nesta sexta-feira (15), o ministro da Defesa, Raul Jungmann, participa da cerimônia de assinatura de Protocolo de Intenções entre o governo do Estado de Pernambuco e a presidência da Ruag. Segundo o MD, a instalação da multinacional no Brasil representa um passo importante para abertura de mercado, redução de preço de munições para forças policiais (graças à produção nacional) e geração de emprego e renda.

.: Leia também: Protecionismo do mercado de defesa pode gerar atrasos para o setor, explicam especialistas

A entrada da fábrica de munições pode ser vista como consequência de uma série de críticas sofrida por parte da indústria brasileira devido ao chamado protecionismo da legislação do País. O secretário de Produtos do MD, Flávio Basílio, já havia manifestado o desejo de que os produtos nacionais ficassem no mesmo patamar de concorrência que os estrangeiros para competir em licitações públicas.

 “A chegada da Ruag no estado de Pernambuco marca a expansão do setor de indústrias de defesa para a região Nordeste, que poderá ser potencializado ainda mais com a utilização do Complexo Industrial Portuário de Suape, consolidando a região como uma importante plataforma de exportações de produtos de defesa”, escreveu em nota o MD.

A Ruag figura entre as 100 maiores indústrias de defesa do mundo. A empresa prevê investimento de US$ 80 bilhões na unidade brasileira.

Fonte: Indústria de Defesa & Segurança

VEJA TAMBÉM EM

53245_6

Leave A Reply